Notícias

Prefeitura renova contrato emergencial com Rápido SP enquanto prepara nova licitação

A Prefeitura de Rio Claro renovou por até 180 dias o contrato emergencial com a empresa Rápido SP para a prestação do serviço de transporte público coletivo. É uma medida para sanar a falta de uma nova concessão do serviço, uma vez que o contrato oficial acabou. Em janeiro, a empresa havia sido contratada com dispensa de licitação por R$ 2,7 milhões com validade para até 13 de julho.

No dia 9 de junho, o Jornal Cidade publicou reportagem com informação do Governo Gustavo Perissinotto (PSD) de que o edital – que havia sido suspenso por determinação do Tribunal de Contas do Estado – seria republicado ainda em junho. No entanto, até essa sexta-feira (1º de julho), o sistema de licitações da municipalidade não indicava o retorno da licitação.

“Está para sair a nova licitação, já fizemos as correções, também trabalhamos num estudo de número de passageiros com a questão dos subsídios sem interferir na tarifa. Faltam alguns ajustes em razão do combustível, que interfere em todos os cálculos, e que modificou todo o estudo. Acredito que nos próximos dias soltemos o novo edital”, informa Arlindo Jorge Junior, secretário municipal de Compras.

Extrato do novo contrato emergencial com a Rápido SP foi publicado também na sexta sem indicar, no entanto, o valor da renovação. Outros contratos com a empresa, para a prestação de serviços de vale-transportes para idosos, estudantes, pessoas com deficiência, assistidos da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, funcionários das secretarias de Educação e Administração e que somam quase R$ 2,5 milhões têm previsão de término para o próximo dia 11 de julho.

(Fonte: Jornal Cidade)

Related posts
Notícias

Prefeitura anuncia licitação para construção de escolas e terminal no Subúrbio

Duas escolas e um terminal de ônibus serão construídos no Subúrbio Ferroviário de Salvador, as…
Read more
Notícias

Agenda Celic tem 29 licitações entre 15 e 19 de agosto

A tomada de preços para obras na Casa de Cultura Mario Quintana (CCMQ), prevista para as 14h de…
Read more
Notícias

Tribunal de Justiça proíbe Prefeitura e Câmara de ceder área ou bem público sem licitação

A lei é de 2003, da gestão do ex-vereador Gerson Furquim; cabe recurso O desembargador Vianna…
Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *