Notícias

Viva Parques Brasil vence licitação para administrar por 30 anos parques do Recife

Empresa irá gerir os parques Jaqueira, Santana e Apipucos, na Zona Norte, além do Dona Lindu, na Zona Sul, com previsão de novos investimentos

A Viva Parques do Brasil foi a vencedora da licitação promovida pela Prefeitura do Recife e o BNDES para concessão da prestação dos serviços de gestão, operação e manutenção dos parques da Jaqueira Governador Joaquim Francisco, na Jaqueira; Santana Ariano Suassuna, em Santana; Apipucos Maximiano Campos, em Apipucos; e Parque Dona Lindu, em Boa Viagem. O contrato terá vigência de 30 anos. A confirmação aconteceu nesta sexta-feira (5/7), na sede da Bolsa de Valores de São Paulo (B3). A previsão de investimentos é de R$ 45 milhões nos primeiros cinco anos e de até R$ 1 bilhão ao longo da operação.

A Viva Parques do Brasil tem como principais sócios José Augusto Aragão, cofundador da Armac – referência nacional em locação e desenvolvimento de projetos de fornecimento e gestão de operações contínuas com máquinas e equipamentos, cujo faturamento em 2023 foi de R$ 1,5 bilhão –, e Daniel Silvany Tavares, ex-diretor da Armac.

Para a operação na capital pernambucana foi criada a SPE (Sociedade de Propósito Específico) Viva Parques Recife. De acordo com José Augusto Aragão, o objetivo da empresa é administrar parques urbanos e naturais (municipais, estaduais e federais) em todo o País. “Queremos ser reconhecidos como a empresa que transforma parques em refúgios de paz e alegria, essenciais para a qualidade de vida das pessoas. E estamos muito felizes por começar pelo Recife”, diz.

COMANDO DA VIVA PARQUES
A Viva Parques Recife terá como diretor-geral o sócio Daniel Silvany Tavares. Ele reforça que a SPE já começa a operar trazendo no seu DNA a cultura, um dos pilares da operação, juntamente com lazer e esportes, que também terão um incremento significativo. “Para nós, foi natural investir no Recife, cidade em que um dos parques – Dona Lindu – já tem um teatro e uma galeria de artes instalados e funcionando”, ratifica.

Tavares acrescenta que, além dos investimentos necessários em infraestrutura, modernização e manutenção, outro foco da Viva Parques será a ampliação da oferta de eventos culturais e esportivos, aproveitando o potencial de cada parque e observando suas peculiaridades.

LICITAÇÃO

O edital para concessão da prestação dos serviços de gestão, operação e manutenção de Parques Urbanos no Recife, bem como a execução de obras e serviços de engenharia, foi lançado em 25 de março passado. O leilão foi realizado em dois blocos (A e B), na sede da B3, em São Paulo. O Bloco A era composto pelos parques Jaqueira, Santana, Apipucos e o Bloco B pelo Dona Lindu.

Os blocos foram leiloados em sessões diferentes. O critério para seleção do concessionário foi o maior valor de outorga fixa, que é a quantia a ser paga pelos vencedores ao poder público. A Viva Parques sagrou-se vencedora nos dois certames.

(Fonte: JC.ne Uol)

Related posts
Notícias

Projeto de nova UBS em Bom Retiro do Sul está em fase de licitação

Sessão de disputa do processo licitatório está prevista para o dia 25 de julho A prefeitura…
Read more
Notícias

Empresa de Manaus consegue liminar contra processo licitatório do transporte público de Santarém

Pedido de Tutela Cautelar Antecedente foi feito ao Tribunal de Justiça do Estado do Pará pela Veja…
Read more
Notícias

Empresa sem nenhum funcionário vence licitação de transporte escolar

A descoberta de uma fraude em licitação de transporte escolar agita o município de Santaluz, na…
Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *