Notícias

Durante pandemia: Vereadores querem informações sobre compras sem licitação

A Câmara Municipal vai requerer da Prefeitura de Rondonópolis informações acerca de todas as compras emergenciais e com dispensa de licitação efetuadas após a instituição do Comitê de Gestão Crise para o combate à disseminação do coronavírus na cidade. Durante a sessão ordinária de ontem (15), os vereadores aprovaram um requerimento de autoria do vereador Reginaldo Santos (SD) solicitando as informações.

Pelo documento, os vereadores solicitam informações sobre todas as aquisições emergenciais com a referida descrição da dotação orçamentária, modalidade de aquisições, nomes das empresas, valor unitário e total, nota fiscal, quem atestou a entrada de material ou medicação e onde será ou foi utilizado. O requerimento também solicita informações acerca das reformas da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e o novo hospital municipal.

Ainda pelo documento é solicitado informações sobre repasses, doações ou outras fontes extraorçamentárias que por ventura tenham sido destinadas ao Município pela União, Estado, doações privadas ou mesmo oriundas do poder judiciário e Ministério Público.

Na sessão, o vereador Jailton Dantas (PSDB) elogiou a iniciativa do vereador Reginaldo Santos que, mesmo sendo do partido do prefeito, demostrou interesse na transparência de todo o processo. “Estas informações são importantes para sabermos às claras como estão sendo investidos os recursos públicos e também sobre qual foi a contribuição do Governo Federal com nossa cidade”, externou o vereador Jailton Dantas.

(Fonte: A Tribuna – Mato Grosso)

Related posts
Notícias

Teresópolis abre licitação para o serviço de captura e guarda de animais soltos em vias públicas

A Prefeitura de Teresópolis marcou para o dia 28 de junho a concorrência pública 001/2021, para…
Read more
Notícias

Aberta licitação para construção de unidades de saúde em Dourados

Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul) abriu licitação para a construção de…
Read more
Notícias

Cade condena seis empresas por formação de cartel em licitações públicas

Práticas anticompetitivas, como formação de cartel em licitações públicas, são passíveis…
Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *