Outras QuestõesQuestões sobre Licitações

Laudo de Nutricionista para fornecimento de merenda escolar

A Administração pública pode exigir laudo de nutricionista como também exigência de vínculo empregatício com a empresa para fornecimento de merenda (formulados=Pó para preparo de bebidas) ?

Com relação ao laudo exarado por nutricionista (melhor que seja do laboratório, assinado pelo profissional) sobre determinado produto, entendo que, a depender da exigência e complexidade da contratação, o laudo pode ser exigido em prazo razoável. No entanto, esta exigência deve onerar apenas o primeiro classificado após a fase de disputa de preços, no caso de licitação realizada sob a modalidade pregão

TC-01100/008/09 / TC-01325/010/09
Conselheiro Robson Marinho

“No tocante à insurgência relativa ao laudo laboratorial concernente à “existência de pesquisa de partículas queimadas, pesquisa por HPLC, cromatografia em fase gasosa para ácidos graxos”, emitido por laboratórios credenciados pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, por não restar evidenciado uma afronta evidente às normas de regência e, sobretudo, por tal exigência direcionar-se tão somente ao vencedor, em conformidade com a Súmula nº 14, acolho a proposta da SDG, no sentido de que seja verificado, no caso concreto, se adveio qualquer restritividade inerente a esse ponto.
Entretanto, considerando que haverá outros pontos a serem revistos do edital, deve ser estendido para patamares razoáveis o prazo para sua apresentação, uma vez que o lapso temporal de 02 (dois) dias úteis estipulado denota-se exíguo e, aparentemente, insuficiente para a sua obtenção.
Aliás, o tema já foi objeto de apreciação em sede de exame prévio pelo Plenário, conforme constou dos TC- 028821/026/09, TC-000878/008/09 e TC-029153/026/09 (Sessão do dia 16-9-2009), e TC-580/010/09 (Sessão do dia 27/5/2009).
Nessa linha, trago à baila excerto do r. voto da lavra do eminente Conselheiro Antonio Roque Citadini, proferido naqueles autos (TC-580/010/09), como segue:
“[…] A questão da apresentação de laudo bromatológico foi esclarecida pela Origem de forma satisfatória.
O laudo, juntamente com a amostra, refere-se ao lote de fabricação do produto, será exigido somente do vencedor da licitação, e num prazo razoável, pois a apresentação se dará no decorrer do contrato, na medida das solicitações de fornecimento feitas pela Prefeitura, com base nos preços registrados.[…]”.”

Quanto à obrigatoriedade da existência de nutricionista no quadro permanente de empresas que fornecem merenda, entendo que a exigência é pertinente e legal.

“Conforme a Lei nº 6.839/1980 (que dispõe sobre o registro de empresas nas entidades fiscalizadoras do exercício de profissões) o registro de empresas e a anotação dos profissionais legalmente habilitados, delas encarregados, serão obrigatórios nas entidades competentes para a fiscalização do exercício das diversas profissões, em razão da atividade básica ou em relação àquela pela qual prestem serviços a terceiros. Ainda, a Lei nº 6.583/1978, o Decreto nº 84.444/1980 e Resolução CFN nº 378/2005, alterada pela Resolução CFN nº 544/2014, estabelecem às empresas, cuja atividade fim esteja ligada à alimentação e nutrição, obrigação de registro no Conselho Regional de Nutricionistas (CRN) da região onde atuem”. (www.cfn.org.br)

Por fim, versa a Resolução CFN nº 597/2017:

Art. 4° Para fins de autuação, relativa à pessoa jurídica, consideram-se infrações as seguintes ocorrências:
I. pessoa jurídica com atividade ou objeto social na área de alimentação e nutrição humana, sem registro no CRN da jurisdição;
II. inexistência de Nutricionista;
III. inexistência de Nutricionista assumindo a responsabilidade técnica (RT) pelas atividades de alimentação e nutrição;
IV. quadro técnico (QT) de Nutricionistas insuficiente para a garantia da contínua assistência alimentar e nutricional;

Publicado em 09 de outubro 2018

(Colaborou Dr. Ariosto Mila Peixoto, advogado especializado em licitações e contratos administrativos, no escritório AMP Advogados).

*Alguns esclarecimentos foram prestados durante a vigência de determinada legislação e podem tornar-se defasados, em virtude de nova legislação que venha a modificar a anterior, utilizada como fundamento da consulta

Related posts
Outras QuestõesQuestões sobre Licitações

Cadastro prévio para licitações

Para participar das licitações, tenho que cadastrar minha empresa previamente nas…
Read more
ContratosQuestões sobre Licitações

Contrato nas Licitações X Pesquisa de Preço

Em relação ao contrato de prestação de serviços, técnicos, jurídicos, contábeis, etc…
Read more
ContratosQuestões sobre Licitações

Renovação de contrato de locação de imóvel exige pesquisa de mercado.

Sobre renovação de contrato de locação de imóvel para a administração. É preciso fazer uma…
Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *