Notícias

Saúde firmou contrato de R$ 9 milhões com empresa sem capacidade técnica


O acordo foi firmado em setembro de 2020 pelo Hospital Federal dos Servidores do Rio de Janeiro, que reconheceu a incapacidade da contratada três meses depois

O Ministério da Saúde firmou um contrato emergencial de R$ 9,3 milhões com uma empresa que não tinha capacidade técnica para a realização do serviço solicitado. O acordo foi firmado em setembro do ano passado, sem licitação, pelo Hospital Federal dos Servidores do Rio de Janeiro. Três meses depois, a própria unidade de saúde reconheceu a incapacidade da contratada.

Segundo a Folha de S. Paulo, a empresa em questão é a Alimentação Global Service, duas vezes acusada de ter fraudado licitações. Inclusive, um mês após a assinatura do contrato com o governo federal, o dono da empresa, Emerson Freire Ramos, foi alvo de um mandado de prisão por envolvimento em um suposto esquema de fraude de contratos emergenciais com a Secretaria de Administração Penitenciária do Rio.

No caso do contrato com o Ministério da Saúde, ela deveria prestar os serviços de preparo, manipulação, fornecimento e distribuição de refeições no hospital. Mas, de acordo com a publicação, uma série de irregularidades foi apontada. Uma delas se refere aos quatro atestados de capacidade técnica necessários, já que apenas um foi emitido por uma unidade de saúde e com registro de quantidade de refeições entregues mensalmente menor do que o exigido pelo hospital.

(Fonte: IG)

Related posts
Notícias

Brasil amplia acesso a empresas estrangeiras em licitações públicas

O Brasil ampliou sua oferta de venda de empresas estrangeiras para mais estatais e mais Estados, nas…
Read more
Notícias

IBAMA: Publicada dispensa de licitação; Edital próximo!

Foi publicado o extrato de dispensa de licitação que confirma a escolha do Cebraspe como…
Read more
Notícias

No Egito, Gasc anuncia licitação para compra de volume indeterminado de trigo

A agência estatal de grãos do Egito, conhecida como Gasc, abriu licitação internacional na…
Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *