Notícias

Nova concessão do transporte deve iniciar operação até março de 2022, diz Felicio


Os dois lotes do sistema devem ser operados pelo Grupo Itapemirim; ideia do prefeito é que Linha Verde inicie operação ao mesmo tempo

O prefeito de São José dos Campos, Felicio Ramuth (PSDB), disse nessa quarta-feira (20) que a nova concessão do transporte público no município deve passar a operar até março de 2022, já com o projeto da Linha Verde.

Clique e faça parte do nosso grupo no WhatsApp e receba matérias exclusivas. Fique bem informado! Acesse: https://bit.ly/ovale-agora-12

O contrato do lote 1, que abrange as regiões norte, oeste e sul, incluindo a Linha Verde, foi assinado no fim de agosto com o Grupo Itapemirim, que também deve ficar responsável pelo lote 2, que abrange as regiões leste e sudeste.

“O contrato atual é até outubro do ano que vem, mas pode ser rescindido a qualquer momento. Existe a aquisição dos novos veículos [pela Itapemirim]. Assim que os veículos estiverem disponíveis e a [nova] empresa preparada para atuar, desfaz-se o [atual] contrato e passa a ter o outro contrato. A gente estima que [isso ocorra] no primeiro trimestre de 2022”, disse o tucano.

LICITAÇÕES.

Além da licitação da operação do transporte público, o governo Felicio ainda precisa destravar outras três concorrências relacionadas ao sistema – na nova concessão, a Prefeitura optou por separar os contratos para operação, tecnologia e parte financeira.

Das outras três licitações, a única em estágio mais avançado é a que definirá a empresa que ficará responsável pela gestão dos dados do transporte público. Esse certame está na fase de habilitação das concorrentes.

As outras duas licitações não atraíram nenhuma empresa interessada até agora e dependem de nova publicação dos editais – uma delas vai definir a empresa que ficará responsável por gerenciar os pagamentos por bilhete único, e a outra pelo fornecimento dos sistemas para interligar diferentes meios de pagamento e também por fornecer sinal de Wi-Fi em todos os veículos.

Segundo o prefeito, os problemas nessas licitações não devem impedir a entrada em operação da nova concessão. “Estou bem tranquilo em relação a isso. Hoje nós temos a possibilidade de migrar o sistema de validadores atual para o sistema de validadores do novo sistema. E nós já vamos publica o novo edital da licitação para o sistema de pagamento do bilhete único. Ela foi remodelada, não essencialmente, mas nós conseguimos fazer uma apresentação dessa plataforma para várias empresas, várias fintechs, e agora ela vai ser republicada para que elas possam participar dessa nova rodada”.

LINHA VERDE.

Pelo contrato, a obra da etapa inicial do projeto Linha Verde deveria ser finalizada até essa quinta-feira (21). Segundo Felicio, o serviço deve ser concluído no início de 2021. Já os 12 VLPs (Veículos Leves sobre Pneus) serão recebidos no mês que vem.

“O que a gente quer é começar [a operar a Linha Verde] concomitante com a nova licitação [da concessão do transporte]. A gente acredita que início de janeiro, final de janeiro [ficará pronta a obra da Linha Verde]. Nós temos até o primeiro trimestre, a ideia é começar a operar junto com o novo sistema de concessão. Lembrando que os veículos já serão entregues em novembro”, disse o prefeito.

(Fonte: O Vale)

Related posts
Notícias

Brasil amplia acesso a empresas estrangeiras em licitações públicas

O Brasil ampliou sua oferta de venda de empresas estrangeiras para mais estatais e mais Estados, nas…
Read more
Notícias

IBAMA: Publicada dispensa de licitação; Edital próximo!

Foi publicado o extrato de dispensa de licitação que confirma a escolha do Cebraspe como…
Read more
Notícias

No Egito, Gasc anuncia licitação para compra de volume indeterminado de trigo

A agência estatal de grãos do Egito, conhecida como Gasc, abriu licitação internacional na…
Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *