Dispensa e InexigibilidadeModalidades de LicitaçãoQuestões sobre Licitações

Inexigibilidade de licitação X Dispensa de Licitação

Somos uma empresa especializada em Sistema de Gestão Limpeza Urbana, com foco no descarte indevido de resíduos em geral nos logradouros públicos e no combate a eventuais focos de mosquitos transmissores de doenças, utilizando-se, sobretudo, da tecnologia, como por exemplo o uso de smatphones e para identificar, registrar e aplicar multas aos infratores, a exemplo do que a cidade do Rio de Janeiro faz no programa denominado Lixo Zero.

Nosso público alvo são prefeituras municipais que queiram a partir da utilização do serviço conscientizar a população e aumentar sua arrecadação por meio de aplicação de sanções administrativas aos infratores.

A questão é: considerando a natureza do serviço e sua especialidade, já que detemos exclusividade na exploração do software responsável pela gestão da limpeza urbana, as contratações devem ocorrer por meio de licitação, dispensa ou inexigibilidade. Sendo o caso de uma delas o que deve necessariamente instruir a proposta? Sendo o caso de inexigibilidade, quais são as informações mais relevantes para a chamada singularidade do serviço. 


Vamos lá.

São meios de realizar uma determinada contratação:

a) Licitação: procedimento de ampla participação, com possibilidade de disputa e redução de preços. Na quase totalidade das hipóteses, sempre é a opção mais recomendada.

b) Dispensa de Licitação: é uma forma de contratação direta (ou seja, sem licitação) que poderá ser realizada desde que a hipótese de fato, esteja prevista no artigo 24 da Lei 8.666/93. Não vejo, no caso e objeto sob consulta, nenhuma condição para ser realizado este tipo de contratação.

c) Inexigibilidade de licitação: trata-se da outra forma de contratação direta, com fundamento no artigo 25 da Lei 8.666/93. Só pode ser realizada quando estiverem presentes os seguintes elementos:

c.1) objeto singular: implica dizer que a Administração não dispõe de qualquer outro meio ou alternativa para atingir o resultado pretendido; somente aquele determinado objeto está apto a realizar o serviço ou fornecimento almejado pelo interesse público; esta comprovação deverá ser feita mediante documento expedido por entidade de classe – federação, associação ou sindicato – que declarem e atestem que só existe aquele produto no mercado para aquela determinada função, para qual a Administração tem interesse.
No presente caso, existe algum outro software no mercado que possa fazer o mesmo (ou semelhante) serviço? Se sim, a inexigibilidade não se aplica.

c.2) fornecedor ou prestador exclusivo: somente uma empresa (especificamente, um único CNPJ) poderá deter os direitos de fornecimento ou prestação do serviço. Se o objeto for fornecido ou o serviço prestado, por mais de uma empresa, restará descaracterizada a exclusividade de fornecimento; da mesma forma que a alínea anterior, a exclusividade de fornecimento deverá ser declarada, atestada, por entidade de classe.

c.3) justificativa técnica (assinada por autoridade ou técnico habilitado): a Administração deverá apresentar as razões de interesse público que conduzem àquela contratação.

São estes os três pressupostos essenciais para a regularidade da contratação, pelo fundamento da inexigibilidade de licitação.

Publicado em 06 de junho de 2017

(Colaborou Dr. Ariosto Mila Peixoto, advogado especializado em licitações e contratos administrativos, no escritório AMP Advogados).

*Alguns esclarecimentos foram prestados durante a vigência de determinada legislação e podem tornar-se defasados, em virtude de nova legislação que venha a modificar a anterior, utilizada como fundamento da consulta

Related posts
EditalQuestões sobre Licitações

Edital não fixou prazo de validade da Certidão de Falência

Participei de uma licitação onde no edital não pede validade da CERTIDÃO DE FALÊNCIA E…
Read more
ContratosQuestões sobre Licitações

Cadastro no CAUFESP ainda sob análise

O licitante que tem seu cadastro no CAUFESP com o status “situação: cadastro em análise, ou…
Read more
HabilitaçãoQuestões sobre Licitações

Auxílio Técnico ao Pregoeiro para Julgamento de Atestados

No julgamento da habilitação o pregoeiro pode encaminhar o processo e EXIGIR da área técnica…
Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *