Notícias

Suspensa licitação de R$ 1,8 milhão para atender ordens judiciais na saúde

O objetivo era formar ata de registros para complementos e fórmulas alimentares

Licitação da Prefeitura de Campo Grande no valor de R$ 1,8 milhão para aquisição de complementos e fórmulas alimentares em pó foi suspensa nesta terça-feira (3).

Segundo o aviso de licitação, a abertura do pregão eletrônico ocorreria em 16 de janeiro. A concorrência é para registro de preços e quantidade de produtos e são estimativa, afirma o município, não necessariamente a previsão será usada.

O objetivo é comprar complemento alimentar; complemento alimentar; suplemento nutricional; fórmula nutricional para “convalescentes, adolescentes, adultos e idosos, com baixo peso, desnutridos e inapetentes”.

Anda de acordo com o documento, a licitação vale para um ano e vai atender demandas judiciais. “Considerando que há ações nas quais somente o Município figura no pólo passivo, como também há ações compartilhadas com Estado e/ou União”.

No Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) desta terça, a Diretoria de Compras e Licitação apenas comunica a suspensão, mas não detalha os motivos.

(Fonte: Mídia Max)

Related posts
Notícias

Justiça acata denúncia do MPF e torna réus 2 ex-prefeitos de Irani

A Justiça Federal em Chapecó aceitou denúncia do Ministério Público Federal (MPF) em Santa…
Read more
Notícias

Operação contra corrupção afasta seis servidores e três secretários da Prefeitura de Edéia

Uma operação da Polícia Civil contra corrupção afastou três secretários e seis servidores da…
Read more
Notícias

Governo abre licitação para pavimentação da Estrada Morocó, em Sorriso

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), abriu…
Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *