Notícias

Candidato pretende modificar o meio de transporte coletivos

Para dar mais qualidade ao serviço de transporte público e tirar a população desse “perrengue” diário, o candidato a prefeito de Campo Grande, Vinicius Siqueira (PSL), acredita que aplicar concorrência no transporte público da Capital daria melhores serviços para a população.

Siqueira lembra que a empresa que comanda o transporte público da capital Morena tem o monopólio até 2032. “Eu quero aplicar concorrência no transporte público dividindo as aproximadamente 500 linhas de ônibus em cinco empresas para que elas concorram entre si para dar maior qualidade no transporte para os campo-grandenses. Vamos fazer como um reality show onde a população da nota para o serviço e caso não atenda as expectativas do usuário a empresa perde linhas para a concorrente”, explica Vinicius Siqueira.

Segundo o candidato Vinicius Siqueira, a intenção é fazer licitação com cinco empresas e dividir as 500 linhas de ônibus entre elas igualmente. Ele explica que colocará uma nota de desempenho para as empresas com a opinião da população tendo o maior peso. “Faremos uma nota de corte com média 7. Vai ter empresas que terão nota 10, 9, e se tiver alguma que a nota de corte for seis, por exemplo, perderá 10 linhas para a empresa que teve nota 10. Fazendo com que as próprias empresas concorram entre si para dar maior qualidade de serviço para os campo-grandenses”, explica Siqueira.

Fonte: Capital News

Related posts
Notícias

Governo finaliza licitação para obra de R$ 24 milhões na MS-423

Obra vai passar pela estrada Taquari, em uma extensão de 54 km, na cidade de Corumbá O governo…
Read more
Notícias

PF apreende R$ 123 mil ao apurar fraude em licitação que contratou alimentação hospitalar no AP

Operação foi deflagrada na manhã desta terça-feira (20), em Macapá. Pouco mais de R$ 123,1 mil…
Read more
Notícias

Majeski pede suspensão de licitação milionária na Assembleia Legislativa

Deputado defende que só os serviços importantes para o cidadão devem ser priorizados. Contrato de…
Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *