Notícias

ANP aprova inclusão de 174 áreas petrolíferas em licitação permanente

A diretoria da agência reguladora do setor de petróleo no Brasil aprovou a inclusão de 173 blocos petrolíferos e de uma área com acumulação marginal na chamada oferta permanente de licitação.

Dos 173 novos blocos, 149 já estavam em estudo e obtiveram recentemente manifestação quanto à viabilidade ambiental, informou a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), nesta sexta-feira.

Outros 24 blocos incluídos haviam sido ofertados e não arrematados na 16ª Rodada de Licitações, realizada no último 10 de outubro.

Juruá, na Bacia do Solimões, é a acumulação marginal incluída na licitação permanente, que também oferta continuamente campos devolvidos (ou em processo de devolução à ANP).

Segundo a reguladora, a nova versão do edital da oferta permanente passará por consulta pública a partir desta sexta-feira e posterior audiência pública, marcada para 5 de fevereiro do próximo ano.

O novo edital ofertará 740 blocos (567 remanescentes do edital anterior e 173 novos) e três áreas com acumulações marginais (duas remanescentes e a nova área de Juruá, devolvida à ANP pela Petrobras).

Em setembro deste ano, em sessão pública de ofertas do 1º Ciclo da Oferta Permanente, foram arrematados 33 blocos e 12 áreas com acumulações marginais –estas em geral estão localizadas em bacias maduras, oferecendo oportunidades para empresas de pequeno e médio porte.

(Fonte: Extra.Globo)

Related posts
Notícias

Prefeitura inicia licitação para executar obras no aeroporto de Sorriso

A prefeitura de Sorriso abriu procedimento licitatório para contratar a empresa que vai elaborar o…
Read more
Notícias

Juiz é afastado por suspeita de favorecimento à empresa em licitação do Porto Seco de Anápolis

TRF-1 impediu juiz Alaor Piacini de julgar a causa após comprovado que seu filho, Odasir Piacini…
Read more
Notícias

Com licitação concluída, obra para recuperar passarela começa na semana que vem

Garantia foi dada pelo secretário de Infraestrutura de Florianópolis, Valter Galina…
Read more

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *